Loheng Nome sem borda.jpg
divulgacao site.jpg

 

"Adentrar no pensamento de Johann Wolfgang Goethe é como, de forma corajosa, mergulhar em um labirinto multidimensional. É a ousadia de chegar junto aos princípios alquímicos de alguém que, por esse caminho, buscou e conseguiu chegar ao que caracteriza a forma e as prerrogativas mais próximas do que supomos ser a alma humana. Esta ousadia manifesta como desafio está posta quando, depois de mais de 200 anos, no contexto contemporâneo, Jonas Bach traz esse tema para debate, atualizando-o ao século XXI.

 

Este livro alimenta uma epistemologia da esperança que culmina na proposição de uma nova pedagogia que tenha a vida planetária como seu foco referencial e prioritário. Essa possibilidade tem na ampliação da intuição um importante elemento que amplia a percepção de mundo, mobilizando as certezas e ampliando as dúvidas, para evidenciar a subjetividade e a subliminaridade dos saberes e dos conhecimentos. Essa posição corajosa nos instiga a buscar a fertilidade na infertilidade e de realizar o inesperado e o improvável, num processo dinâmico de confrontar a autenticidade e a originalidade na contemporaneidade." (Prefácio)

 

Preço: R$ 75,00

Para adquirir um exemplar, preencha seus dados abaixo:

fg 0.jpg

Jonas Bach

 

é professor de filosofia da educação da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM), em Uberaba - MG. Licenciado em filosofia e formado em jornalismo e pedagogia, fez seu percurso acadêmico na educação. Conselheiro da Faculdade Rudolf Steiner.

 

Pós-Doutor pela Unicamp e Doutor pela UFPR, com estágio na Alanus Hochschule (Alumni DAAD), sua pesquisa abrange a fenomenologia de Goethe, a filosofia da educação de Steiner e a Pedagogia Waldorf.

 

Como escritor, publicou os livros Espírito de Surfista, Laboratório da Metamorfose da Alma, Sinasofia e Como Vivem os Alunos Waldorf.

 

Coordena o projeto Ecosofia, desenvolvido em duas universidades alemãs, elaborando uma proposta de educação nas questões ecológicas atuais. Iniciou na Alemanha seu aprofundamento em pesquisas no âmbito dos estudos biográficos.

A contribuição principal da obra é ajudar na compreensão do fundamento da Antroposofia. Para isso, a sequência de capítulos tem a seguinte estrutura:
 

Cap 1: o embate de Goethe com a ciência materialista
Cap 2: a botânica fenomenológica
Cap 3: a ótica fenomenológica e o conflito com a ciência de Newton
Cap 4: os princípios da fenomenologia de Goethe
Cap 5: a fenomenologia de Steiner
Cap 6: a linguagem da natureza e a linguagem do espírito
Cap 7: a metamorfose dos educadores: a concepção de educação de Steiner

 

São 7 capítulos, estruturados segundo a linha evolutiva (em U), onde o cap 5 é metamorfose do cap 3, o cap 6 do cap 2, o cap 7 do cap 1; e o cap 4 é o central.

A obra apresenta a tese de Pós-Doutorado realizada por Jonas Bach no Departamento de História e Filosofia da Educação da Unicamp. A pesquisa apresenta a teoria do conhecimento que fundamenta as práticas educativas das escolas Waldorf.

 

O tema do livro demonstra sua pertinência e importância porque seu valor é imperecível e pelo seu vínculo intrínseco com a metodologia da Pedagogia Waldorf.

 

A abordagem é intrinsecamente metadisciplinar por extrapolar as fronteiras delimitadoras do conhecimento, ou seja, a interdisciplinaridade e a transdisciplinaridade inerentes à fenomenologia goethiana vinculam-se à fonte do mundo-da-vida.

 

Isto requer abertura e propósito por parte de quem quer se lançar ao desafio de participar da construção viva de uma qualidade de conhecimento e relação com o mundo que habitualmente não se encontram nos sistemas educacionais vigentes.